top of page

Post

  • Foto do escritorCláudia Zorat C. Faria

Mês de Av - 2ª parte - O problema de Israel

2ª PARTE DA MINISTRAÇÃO: O Problema de Israel

Cidade de Jerusalém - Israel
Cidade de Jerusalém - Israel

O problema de Israel foi que eles NUNCA SE ALINHARAM COM A VISÃO do que Deus queria fazer! O objetivo de Deus não era tirar Israel do Egito! E também não era liderar o povo através do deserto! E nem mesmo colocá-los na terra prometida!

O objetivo de Deus era estabelecer a manifestação de Sua presença na terra!
Ele queria liderar Israel para um lugar onde a Sua presença pudesse habitar entre eles! Onde o Seu reino pudesse ser estabelecido e Sua Glória repercutisse ao mundo! E o lugar que Deus escolheu foi Jerusalém!

Jerusalém sempre foi um lugar especial

Seu nome original é Salem que provém da palavra Shalom que significa paz, plenitude e bem estar. Deus era adorado em Jerusalém bem antes do tempo de Moisés.


E Melquisedeque, rei de Salém, trouxe pão e vinho; e era este sacerdote do Deus Altíssimo. Gênesis 14.18
A quem também Abraão deu o dízimo de tudo, e primeiramente é, por interpretação, rei de justiça, e depois também rei de Salém, que é rei de paz. Hebreus 7.2

Quando Abraão retornou depois de vencer os 5 (cinco) reis, ele deu o seu dízimo a Melquisedeque em Salém. Portanto, Deus já tinha escolhido Jerusalém desde aqueles dias!

O objetivo de Deus era Jerusalém e por todo o caminho através do deserto Deus disse ao povo sobre isso! Ele disse a Israel que haveria um lugar especial na terra prometida. Ele disse que haveria um lugar na Terra Prometida onde Ele estabeleceria Seu Nome.

Seu Nome significa Sua Presença, Sua Glória (Shekinah).


Nota de Tradução: Shekinah é uma palavra hebraica que significa “habitação” ou “presença de Deus”. Para os teólogos a tradução que mais se aproxima dessa palavra é “a glória de Deus se manifesta”.

Mas o lugar que o Senhor vosso Deus escolher de todas as vossas tribos, para ali pôr o seu nome, buscareis, para sua habitação, e ali vireis. Dt 12.5.
Então haverá um lugar que escolherá o Senhor vosso Deus para ali fazer habitar o seu nome; ali trareis tudo o que vos ordeno; os vossos holocaustos, e os vossos sacrifícios, e os vossos dízimos, e a oferta alçada da vossa mão, e toda a escolha dos vossos votos que fizerdes ao Senhor. Dt 12.11.
Quando todo o Israel vier a comparecer perante o Senhor teu Deus, no lugar que ele escolher, lerás esta lei diante de todo o Israel aos seus ouvidos. Dt 31.11.

E, neste lugar especial, Deus iria habitar entre eles e encher as suas vidas de bênçãos incríveis!

E este lugar era Jerusalém.

[...] em Jerusalém, na cidade que o Senhor escolhera de todas as tribos de Israel para pôr ali o seu nome; [...] 1 Reis 14.21.

E disse o Senhor: Também a Judá hei de tirar de diante da minha face, como tirei a Israel, e rejeitarei esta cidade de Jerusalém que escolhi, como também a casa de que disse: Estará ali o meu nome. 2 Reis 23.27.

[...] em Jerusalém, a cidade que o Senhor escolheu, dentre todas as tribos de Israel, para pôr ali o seu nome; e [...] 2 Cr 12.13.


O objetivo de Deus era para que Israel tomasse a terra, capturasse Jerusalém e, pela sua adoração, fizesse de Jerusalém um lugar onde a Glória de Deus pudesse habitar na terra. Em Jerusalém Deus iria estabelecer ZION na Terra.

Nota de Tradução: Zion ('Sião' em português e 'Tzion' em hebraico) possui o significado bíblico de terra prometida. Inicialmente era o nome do monte em Jerusalém no qual foi construída a cidade do rei Davi. O Monte Sião passou a designar a terra prometida ou a própria Jerusalém.


Todas as outras coisas que aconteceram foram simplesmente um ponto de partida.

  1. Tirar Israel do Egito foi o 1º passo.

  2. Guiá-los através do deserto foi essencial.

  3. E então eles tinham que entrar na terra prometida.

  4. Vencer os cananeus.

Porém nenhuma destas coisa era o objetivo de Deus! O objetivo era Jerusalém. Porém em cada passo Israel se atrasava em descrença!

Eles teriam ficado felizes em ficarem onde estavam! E até falaram que queriam voltar para o Egito!

ELES NÃO TINHAM UMA VISÃO PARA IREM ALÉM!!!
Deus tinha um futuro glorioso para Seu povo, MAS ELES ESTAVAM PRESOS NO PASSADO!

Estas eram as pessoas que forma escravas no Egito! Elas trabalhavam para morrer! Suas crianças foram assassinadas! E quando chegaram no Mar Vermelho e viram que não tinham mais saída, isto foi o que elas disseram:

No Mar Vermelho - E disseram a Moisés: Não havia sepulcros no Egito, para nos tirar de lá, para que morramos neste deserto? Por que nos fizeste isto, fazendo-nos sair do Egito?

Não é esta a palavra que te falamos no Egito, dizendo: Deixa-nos, que sirvamos aos egípcios? Pois que melhor nos fora servir aos egípcios, do que morrermos no deserto. Êxodo 14.11-12.


No deserto - E os filhos de Israel disseram-lhes: Quem dera tivéssemos morrido por mão do Senhor na terra do Egito, quando estávamos sentados junto às panelas de carne, quando comíamos pão até fartar! Porque nos tendes trazido a este deserto, para matardes de fome a toda esta multidão. Êxodo 16.3.


[...] Pois íamos bem no Egito [...]. Nm 11.18.


Em Cades-Barnéia - E diziam uns aos outros: Constituamos um líder, e voltemos ao Egito. Nm 14.4.


Foi por isso que Deus disse: 'Esta geração perdeu sua janela de oportunidade, eles vão vaguear no deserto até morrerem.'

E Deus os levou a vaguear pelo deserto por 40 (quarenta) anos até que toda a geração descrente morresse e, finalmente depois de 40 (quarenta) anos eles tiveram fé para entrar na terra!

E mesmo assim, eles não tomaram Jerusalém! Eles ainda não tinham atingido o objetivo!


Entrar na terra era como um patamar a meio caminho da montanha!

Nota de Tradução: O exemplo que o prof. está dando funciona da seguinte maneira: imaginem que temos que subir uma montanha, e no meio do caminho para chegar no topo dela há um patamar como uma planície, onde podemos parar e descansar um pouco, para depois, continuarmos o caminho subindo até o topo da montanha, alcançando por fim nosso alvo.


Usando o exemplo da subida de uma montanha, o que Israel fez foi subir até metade do caminho (período que gastaram vagando no deserto), e então chegaram até o patamar (foi quando entraram na terra prometida). Porém eles gostaram de ficar só ali "descansando" na planície sem prosseguirem com a subida para o alvo, que era o grande objetivo, chegar no topo da montanha (tomar Jerusalém).

Eles se recusaram a fixar seus olhos em Jerusalém. E por gerações eles viveram na terra prometida, sem nunca tomarem posse do único lugar que Deus escolheu!

  • Algumas tentativas que eles fizeram para tomarem Jerusalém:

  1. Não puderam, porém, os filhos de Judá expulsar os jebuseus que habitavam em Jerusalém; assim habitaram os jebuseus com os filhos de Judá em Jerusalém, até ao dia de hoje. Josué 15.63.

  2. E os filhos de Judá pelejaram contra Jerusalém, e tomando-a, feriram-na ao fio da espada; e puseram fogo na cidade. Porém os filhos de Benjamim não expulsaram os jebuseus que habitavam em Jerusalém; antes os jebuseus ficaram habitando com os filhos de Benjamim em Jerusalém, até ao dia de hoje. Juízes 1.8, 21.

  3. As tentativas que Israel fez de tomar Jerusalém foram tão lamentáveis que quando os Jebuseus ouviram que Davi iria tentar, eles simplesmente riram! E partiu o rei com os seus homens a Jerusalém, contra os jebuseus que habitavam naquela terra; e falaram a Davi, dizendo: Não entrarás aqui, pois os cegos e os coxos te repelirão, querendo dizer: Não entrará Davi aqui. 2 Samuel 5.6.

  • MAS DAVI ERA UM HOMEM SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS,

  • ELE ESTAVA ALINHADO COM A VISÃO DE DEUS

  • E ESTAVA DETERMINADO!

Porém Davi tomou a fortaleza de Sião; esta é a cidade de Davi. 2 Samuel 5.7.
  • Para Davi não era suficiente morar na terra!

  • Davi teve uma visão para ZION.

Clique no botão abaixo para continuar com a ministração


Posts recentes

Comments


bottom of page